sexta-feira, 9 de março de 2012

Há coisas que dão-me um gozo... Vocês nem imaginam!

Há uns meses fizeram reunião de condomínio no meu prédio. Como acabou? Como dizem os Brasileiros: No maió fuzuê! Uma baixaria! A puta da loucura! As pessoas não têm a noção que o tema social de todos dias é a crise? Passo a explicar. O senhor que está a gerir o condomínio cismou que temos de pintar o prédio. O prédio tem cerca de 15/20 anos,ou seja, não é uma emergência a pintura. Não está a cair aos bocados. Então e a confusão foi porquê? Porque cada morador terá de dar cerca de 1000€. daí a confusão. Opá, se fosse para fazer pequenas obras como rachadura, infiltrações, etc... Mas não, é para pintar porque aquele senhor pensa que ele é que manda. Como ele quer fazer, tem de ser feito! Santa paciência! Alguns moradores foram contras. Outros estão, totalmente, de acordo. Os que estão de acordo dizem que 1000€ não é nada. Alguns disseram que se fosse preciso pediam empréstimo, pediam aso pais ou aos sogros. DESCULPA???  Mas quem se lembra de fazer empréstimos para coisas supérfluas? ou pedir aos pais ou aos sogros? Pois! Daí a porcaria da crise que temos! As pessoas pedem dinheiro emprestado e depois logo se vê como irão pagar. Pedem dinheiro só porque têm de ficar bem vistos na sociedade. Para poderem fazer "boa figura". Têm de transmitir que vivem acima da média, mas na realidade andam enrascados. Não lido nada bem com isso! Não vejo com bons olhos e respondo à altura. Chamem-me o que quiserem. Azar! Não engulo esses sapos. E porquê a razão do título deste post? O que me dá gozo? Este mês saiu o relatório de pagamentos do condomínio. Sabem, essas tais pessoas que diziam que 1000€ não era nada, estão a dever o condomínio desde Agosto/Setembro do ano passado. Dá ou não dá gozo? Dá ou não dá vontade de espetar com os relatórios de pagamento na cara? Dá e muita!  

1 comentário:

Solita disse...

Pois cara de bolacha, mas esse sr só pode avançar com abras se todos concordarem. No meu predio que tem 19 já se devia ter feito á muito tempo e não se fez por isso mesmo. E olha que bem precisava.
Beijinhos