sexta-feira, 27 de abril de 2012

Centro de emprego e o seu "maravilhoso" funcionamento!

Recebi uma carta para me apresentar no centro de emprego. Eram 08h30 em ponto lá estava eu. A primeira funcionária apareceu as 09h00 e começou a atender as senhas amarelas. A minha senha era a cor-de-rosa. Esperei e esperei. As 09h45 a funcionária saiu para fumar um cigarro. Quarenta e cinco minutos de trabalho e já estava a fazer pausa. E eu? Continuava à espera. Por volta das 10h00 apareceu a funcionária para atender as senhas cor-de-rosa. Pensei: Chegou atrasada e vai recuperar tempo perdido. Pura ilusão! Chegou as 10h00 e  foi beber café. Depois do seu cafezinho começou a atender. Eram 10h45 e parou para tomar o pequeno-almoço. Porque quem entra as 10h00 não tem tempo de tomar o pequeno-almoço em casa, só pode! Voltou eram cerca das 11h10. E eu? Continuava à espera. Fui chamada. Ia a entrar no gabinete e ela disse-me: "Espere um momento, por favor" (mais? ok...). Lá entrei. Ela estava às mensagens no telemóvel. Depois atendeu-me. Resumindo, saí de lá eram 12h00 e tinha chegado as 08h30. Não fiquei mais que 5 minutos no seu gabinete. A conclusão que tiro disto? Pois... Chega-se as 10h00, bebe-se café e fuma-se um cigarro, trabalha-se meia-hora e toma-se o pequeno-almoço, trabalha mais meia-hora e manda-se mensagens às colegas. Num dia de 8h de trabalho, produzem 2h de manhã e 2h à tarde. É um absurdo! 

2 comentários:

Solita disse...

E depois ainda reclamam dos cortes...

Anónimo disse...

:(
:(
;(

00
|=|